Por aí: Um fim de semana em Campos do Jordão

img_3798

Um fim de semana de suspirar e agradecer

Campos do Jordão é um lugar que eu sonhava muito conhecer. É incrível quando desejamos tanto alguma coisa e encontramos pessoas com a mesma vibe que a nossa, né? É mais legal ainda quando, apesar dos dias mais difíceis, a gente sabe que precisa enfrentar momentos que exigem mais paciência e resiliência de nós e quando temos um objetivo maior, que sabemos que fará um bem danado para a nossa vida, todos os problemas se tornam pequenos ou quase nulos.

Conhecer a cidade não foi só mais um passeio de turista. Foi uma realização mais profunda. Foi a primeira viagem que paguei após alguns meses de estágio. Saber que posso proporcionar momentos de paz como estes para mim mesma a partir de um esforço próprio é o que mais me motiva.

Nosso roteiro nada planejado

Guardamos dinheiro durante alguns meses para passar um fim de semana em Campos. A nossa ideia seria encontrar um lugar mais em conta para ficar e poder sair para comer em restaurantes mais típicos, consequentemente estes são os mais caros. Resolvemos alugar um Airbnb para economizar na estadia e os restaurantes decidimos na hora de acordo com o cardápio que ficava exposto do lado de fora dos lugares.

Não planejamos bem um roteiro. Dormimos em Taubaté na Sexta-feira, estávamos exaustos da viagem e acabamos acordando mais tarde do que seria o ideal. De Taubaté até Campos do Jordão gastamos uns 40 minutos e no meio do caminho encontramos um ‘Frango Assado’, que faz parte de uma rede de paradas na estrada. O ‘Frango Assado’ é um lugar querido por nós por conta do pão de semolina. Aproveitamos para tomar café por lá.

Chegamos em Campos do Jordão por volta de 12:00 no sábado. Deixamos nossas coisas na casa que alugamos e fomos andando até o centro de Capivari, famoso por conta da arquitetura típica, a cervejaria Baden Baden e outros restaurantes no centrinho. Passeamos durante a tarde, almoçamos e compramos lembrancinhas.

Durante a noite de sábado nós saímos para comer fondue doce. Saímos de casa com duas tapiocas na barriga para não precisar comer nada além de chocolate. De um modo geral as coisas em Campos são caras, principalmente os restaurantes. Em média gastamos em torno de R$140,00 em cada refeição, mas demos sorte no fondue. Pagamos R$80,00 no rodízio de fondue doce para duas pessoas.

No domingo acordamos e estava frio com carinha de chuva. Fizemos o checkout às 11:00 e fomos aproveitar o domingo. Fomos em setembro, fora de época de inverno, porém com a cidade se organizando para um evento de bikes que não sabíamos, ou seja, percebemos o movimento da cidade, mas não sabíamos que o evento fecharia a avenida principal da cidade e algumas paralelas. Estava tudo um caos. Tivemos que deixar o carro na rua da casa que ficamos para voltar andando. Chegamos no centro, almoçamos e o céu começou a escurecer. Sabíamos que não teríamos mais tempo de andar tanto. No meio do caminho a chuva caiu e por pouco não ficamos resfriados. Aproveitamos e viemos embora. Isso por volta de 14:30.

Na estrada paramos para comprar o pão de semolina e trazê-lo para São Paulo e pegamos 5 horas de trânsito. Ficamos exaustos, mas ainda lembramos desse fim de semana com muito carinho e saudade. Com certeza nós vamos voltar.

Anúncios

Um comentário sobre “Por aí: Um fim de semana em Campos do Jordão

Gostou? Então me deixe saber...

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s